Fatores determinantes para recordação dos sonhos

        É incrível o upgrade que conseguimos sobre a recordação dos sonhos quando passamos a seguir dicas simples dos especialistas na área. No topo da lista, já mencionado em textos anteriores, está em manter um diário de sonhos ao lado da cama. Para quem ainda nunca teve um sonho lúcido e para quem sente dificuldade em lembrar dos sonhos, temos o primeiro passo.

Livro excelente que também aborda em um capítulo a recordação dos sonhos.

        Além das dicas e orientações tratadas anteriormente, quero voltar nossa atenção frente a certos fatores que de acordo com pesquisas bem fundamentas(bibliografia abaixo) determinam nosso êxito em  conseguir lembrar mais e melhor dos sonhos.
        Grande parte das pessoas não é boa em lembrar dos sonhos. Aliás, talvez para maioria isso seja difícil, considerando o exército populacional que vive submetida a dureza de nossas rotinas de trabalhos, estudos e demais obrigações… porém, vale destacar que o nosso cérebro, durante o sonho, tem seu córtex pré-frontal inativo. Talvez paradoxalmente isso seja um pouco rompido com nossos sonhos lúcidos, mas cabe maior pesquisa(farei) para confirmar isso.

Podemos melhorar nossa recordação prestando atenção nos fatores que determinam nossa capacidade de lembrar dos sonhos.

        Schredll em suas pesquisas no Instituto Central de Manheim para Saúde Psíquica, aponta interessantes estudos, citados por Verena Kast no seu livro Sonhos, a Linguam Enigmática do inconsciente. Dentre eles interessantes resultados que “Estudantes de arte e pintores amadores apresentavam os valores mais altos” de frequência de recordação dos sonhos. Essa pesquisa revelava que a imaginação visual, a atividade imaginativa mais acentuada e a frequencia de devaneios diurnos estava bem relacionada com a capacidade de recordação dos sonhos.

        São elencados nesses estudos(voltarei a cada item em textos futuros), os seguintes fatores determinantes para recordação dos sonhos:

1 – Fatores Externos
2  – Condiçõesde vida
3 –  Tipo de sonhos
4 – Interesse pelos sonhos
5 – Características da personalidade   

OBS: estarei viajando nesse fim-de-semana(dia do paizão). Grande abraço a todos, bons sonhos e até a volta!!

Bibliografia:

KAST, Verena. SONHOS – A Linguagem Enigmática do Inconsciente. Editora Vozes. 2010

Você pode gostar...

10 Resultados

  1. 1 – Fatores Externos
    No caso estou com um diário até bem avançado.

    2 – Condiçõesde vida
    No momento sem trampo por causa do exercito tenho bastante tempo pra dormir sem problemas sem me preocupar com nada.

    3 – Tipo de sonhos
    Nesse ponto eu deixo a desejar um pouco pois tive alguns sonhos deturbados por causa de alguns "traumas" aushahsha

    4 – Interesse pelos sonhos
    O máximo possível ;D

    5 – Características da personalidade
    Bem dedicada, vivo quase toda minha vida desperta em constante devaneios ou criando narrativas de histórias e coisas do gênero. Também converso muitas coisas interessantes com algumas pessoas mais cabeça que eu conheço , tipo filosofia em geral existencialismo, teologia e ciência onírica no geral.

    Acho que considerando esses fatores eu tenho grande probabilidade de lembrar de quase tudo que sonho não? =D

  2. Ana Amorim disse:

    Tenho uma pergunta sobre recordação de sonhos.
    Comigo acontece o seguinte: eu tenho muita, muita facilidade pra me lembrar dos sonhos simplesmente regulando a hora de dormir. Nas férias, em que eu deito e levanto um pouco mais tarde, e durmo mais, ainda assim o horário é mais ou menos regulado.
    Pra eu me lembrar de um sonho, eu acordo e penso nele até lembrar de todos os detalhes (eles são bem detalhados, consigo lembrar até se as portas abriam pra dentro ou pra fora LOL), depois me sento na cama e escrevo. Uma coisa bem simples.
    O problema é que eu não tenho tempo pra fazer isso. Eu acordo de manhã com meus sonhos em mente (consigo lembrar de até três), mas tenho que levantar afobada e me arrumar pra escola, e no decorrer do dia eu acabo esquecendo, no máximo me lembrando de algumas partes marcantes se o sonho foi muito fora do comum (é que normalmente eu sonho com coisas que normalmente acontecem).
    Eu não quero acordar mais cedo, credo, acordo cedo demais. E nem tem como, nas segundas e quartas eu chego em casa tarde e já durmo e acordar mais cedo seria perder a qualidade do meu sono '-'

    Você tem alguma sugestão do que eu posso fazer? 🙁

    • Anônimo disse:

      Credo nada! kk Acorde 20min mais cedo, e escreva os seus sonhos, 20min deve ta pow, e vc nem perde tanto tempo assim :p

    • tenho exatamente o mesmo problema, na verdade hoje mesmo eu passei o dian inteiro frustrado pq eu tinha sonhado um sonho mt loko e épico e so consigo lembrar das partes principais (o sonho era bem longo e muuuuuito loko) alem de n poder ter meu diario pq sem duvida minha mae olharia e brigaria comigo ja q meus sonhos sao estranhos pra krl, isso sem contar a hora de adordar, eu nem consigo aclrdar sozinho imagina 20m mais cedl

  3. Oi Ana!
    Procure anotar pelo menos um desses sonhos. Escolha o que mais lhe impressionou e coloque no diário. Tenho muito problema de horário e pouco tempo d sono e é o que podemos fazer.
    .
    Outra alternativa e arranjar um tempinho pra uma soneca após almoço e anotar o que sonho ali.
    .
    Sem qualidade de sono, fica mesmo difícil conseguir lembrar direito dos sonhos 🙁

  4. Outra alternativa, ana é você utilizar um gravador de voz e ir contando o sonho pelo menos por enquanto e quando chegar em casa anotar no diario
    =)

  5. Ana Amorim disse:

    O do gravador é uma boa, Oliveira, obrigada.

    E Márlon, infelizmente nem dá pra dormir à tarde, eu estudo em período integral e não volto pra casa no almoço D:

  6. Fico com a sugestão do Breno também. Afinal qualidade do sono é sempre em primeiro lugar. E continue tentando anotar pelo menos 1 por dia, uns 4 ou 5 dias por semana.
    .
    Como tu disse que costuma sonhar com certa frequência, coisas do cotidiano, repare se há temas repetitivos e se for esse o caso a melhor escolha é o Método de Tholey 😉

  7. Ana Amorim disse:

    É o método que eu uso IRAIRIA

    Eu acho prático e sempre funciona, eu costumo ficar lúcida com frequência, os meus únicos problemas são lembrar direito o que eu sonhei (coisa que vou tentar resolver com o gravador), e me manter acordada no sonho (normalmente não dá tempo de me impedir de acordar ou, mais raramente, de ter um falso despertar, mas quando dá tempo eu abro uma porta [li isso aqui :D], sempre funciona).

  8. At least we now have a clear explanation of the Home Office immigration policy
    repliche orologi cartier tank mc http://www.moreorologi.com/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *