Sonhos Lúcidos podem auxiliar no tratamento de psicoses e outros transtornos.

Você pode gostar...

14 Resultados

  1. eu li em primeira mão u.u
    hehe
    interessante mesmo ^^
    achei muito interessante as imagens da atividade cerebral 😀 eu realmente estava curioso pra saber como fica o cérebro durante um sl

  2. Tbm li em primeira mão em LaBerge, Stephen.O Mais Alto Grau de Consciência.
    . Revista Viver Mente&Cérebro- Edição Especial

    =D

  3. O Sidarta Ribeiro já havia mencionado essa semelhança entre as atividades cerebrais nos sonhos e algumas psicoses. Quanto mais leio sobre o tema mais interessante fica

  4. uma duvida que tenho ; nos artigos da revista mente e cerebro, á um conflito; Mark Solms no artigo "A interpretação dos sonhos" afirma que ja não é possivel mais afimar que os sonhos ocorrem somente durante o sono REM, ja Jonathan Wilson no artigo "O Significado dos sonhos" discorda afirmando veemente que os sonhos só ocorrem durante o estado REM. Eu tenho minhas duvidas, até pq os primeiros sonhos que ocorrem (durante as primeiras 6 horas) podem estar relacionados aos estados REM menores durante a noite aqueles iniciais. Entretanto não é muito bom sermos tão fundamentalistas e afirmar como o Próprio Wilson que os sonhos se limitam ao REM. O que vc's acham??

  5. É isso mesmo Breno. Parabéns pelo achado!! Há divergência nos textos como tu apontou(conferi aqui).
    .
    Um outro artigo na mesma revista, dessa vez do falecido médico brasileiro Moacyr Scliar, com o título "O Fascínio Pelos Sonhos" é bem explícito:
    "Em meados dos anos 1950 postulou-se que o sonho estava associado ao sono REM, mas depois constatou-se que se sonha em todas as fases. No período REM, contudo, os sonhos tendem a ser mais detalhados e parecem ter um "roteiro"."
    .
    Por fim em um 4º artigo(Revista Mente&Cérebro – Edição Especial nº 13), dessa vez do neurocientista brasileiro Sidarta Ribeiro:
    "O sono de ondas lentas, ao contrário, e em geral caracterizado por pensamentos com lógica semelhante à da vigília, mas desprovido de imagens intensas e enredo complexo
    .
    Pelo que tenho pesquisado nesses artigos, está bem claro que há presença de sonhos fora da fase REM, mas são sonhos mais apáticos, não são vívidos e criativos como aqueles da fase REM.
    .
    Talvez Jonathan Wilson esteja desatualiado sobre essas pesquisas dos sonhos no sono de ondas lentas(ou NRem) ou ele simplesmente não classifica esses eventos como sonhos e sim mera presença de imagens e a descrição do Sidarta:
    (…) caracterizado por pensamentos com lógica semelhante à da vigília, mas desprovido de imagens intensas e enredo complexo

  6. Márlon, tbm creio que sonhos ocorrem fora do estado REM, no caso da sua hipótese sobre a crença de Wilson, é bem provável tbm que esses "sonhos" não-REM sejam apenas hipnagogismo assim como o próprio sono que é precedido por esse estado. Seria uma especie de adaptação da consciência desperta para começar a perceber a narrativa onírica. Lembrando que costumo ter alucinações hipnagógicas bem intensas e as vezes muito demoradas, isso pq eu demoro pra pegar no sono mesmo estando muito cansado, mas ainda não vi correlação disso com a riqueza ou lembrança dos sonhos vindouros.

  7. Eu tive algumas alucinações hipnagógicas e também hipnopômpicas, mas elas são bem características da proximidade com o despertar ou com o adormecer definitivos. Muito provavelmente as ondas cerebrais ou o estado mental vão ser diferentes…
    … e podem ser experiências beeeeem intensas. Bem frequentemente ambientadas no local onde estamos dormindo.
    .
    Pelas descrições dos pesquisadores que comentamos me parece que os sonhos NREM possuem essa característica de serem algo mais próximo do nosso pensamento da vigília, com imagens menos vívidas e mais lógica e menos criatividade.
    .
    A partir dessas premissas minha conclusão que são sonhos com uma razoável distância ou diferença dessas alucinações Breno.
    Resumindo: as alucinações teriam essa característica de serem bem mais intensas.

  8. hmmm entendi marlon, no entanto se perguntassem pra mim qual eu axo mais rico em detalhes e mais vivido, entre as alucinações hipnagogicas e os sonhos não-REM, diria particulamente que não vejo diferença. A maioria dos meus NREM são as vezes extremamente curtos e non-sense como minha alucinações, q como disse , costumo ter alucinações bem intensas, tais como barulho nos cantos do quarto e da casa, vejo algumas imagens em minha mente bem definidas e as vezes é quase uma curta metragem com narrativa e tudo, a diferença é que é um estado muito mais instavel onde qualquer emoção mais forte ja me acorda, tal quando tive uma alucinação da sensação de queda ou quando ouvi uma voz chamando meu nome (o q deu medo asuhahus)

  9. Oi, estou pesquisando, buscando ajuda para me auxiliar na angúsita noturna que me encontro. Tenho a sensação de que sonho a noite inteira sem descanso, e que nunca entro em estado REM, porque acordo muito, várias vezes (de 10 à 20), os sonhos sempre são muito agitados, comigo realizando tarefas intermináveis ou em conflitos difíceis, e sempre acordo esgotada, cansada física e mentalmente dessas jornadas. Não tenho insônia, nem problemas respiratórios que levam a distúrbios do sono normais. Gostaria de saber se há tratamento ou alguma dica de tratamento especializado para sonhos em BH. Agradeço muito o retorno de alguém que tenha alguma luz para me oferecer.

  10. zelda porn disse:

    Fantastic blog article.Really looking forward to read more. Will read on…

  11. purificadoras disse:

    Say, you got a nice article post.Really thank you! Great.

  12. I really enjoy the blog.Much thanks again. Fantastic.

  13. Thanks again for the article. Awesome.

  14. Impeccable identiquement d’habitude avec celui vendeur de gucci bags à recommander à 100% sans hésitation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *