Tag

Fórum de Sonhos Lúcidos

Browsing

    É bom começar esse pequeno texto, lembrando da importância da 7a e 8a hora de sono, quando normalmente acontecem as melhores fases REM do nosso sono. Digo melhores, em função de serem as mais longas, chegando a fazer nosso cérebro jorrar por volta de 45 minutos de sonhos intensos e vívidos.

Especialmente para aqueles que precisam despertar cedo, aprender a dormir mais cedo se torna  essencial. Na imagem, o personagem Sonâmbulo, da Marvel Comics.

    Depois da leitura do ótimo “Ladrões do Sono”, aprendi como é importante ter uma noite bem dormida. Trabalhei durante 3 anos, numa jornada que me fazia dormir entre 2h até 3 horas da matina. Com aulas 3x por semana que me quebravam o sono as 7h. Não sei como eu conseguia ter sonhos  lúcidos, pois a qualidade de vida e do sono era macabra.

     Passados 7 meses, ainda não estou 100% reabilitado. Digo isso porque assim como muitos onironautas que frequentam o blog, eu também tenho alguma dificuldade para pegar no sono. Especialmente para aqueles que precisam despertar cedo, aprender a adormecer mais cedo é essencial.

Livro especial do Stanley Coren, alertando sobre a importância da qualidade do sono.

    Não sou do tipo metódico e sou bem avesso a organização ou rituais, mas infelizmente para aprender a dormir mais cedo, tive e ainda estou passando, por alguns condicionamentos.

     Uma amiga minha consegue dormir pelas 21h. Ela é o exemplo que sigo. Diz que precisa estar de pé pelas 6h da manhã, para ir trabalhar, mas vez por outra desperta as 4h ou 5h. Então faz suas pinturas, quando então volta a dormir ou não. No meu caso, em vez de pinturas, escrevo no meu Diário de Sonhos. Sejam sonhos lúcidos ou não, procuro fazer minhas anotações, para manter ou melhorar minha capacidade de recordação.

 Eu sigo rigorosamente essa orientação:
“Tome um banho e diminua a luminosidade do quarto enquanto se prepara para deitar.” Chego a desligar da tomada computador e demais aparelhos.

Mantenho também o ambiente na maior escuridão possível. Após o banho a maioria das luzes, computador, televisão e outros equipamentos já estão desligados.

Aprender a dominar os fatores que determinam a boa qualidade do sono, implicará em maiores chances de ter sonhos lúcidos. Na imagem, Crystal, personagem da Marvel Comics.

As recomendações dos especialistas:

 – Tenha como objetivo deitar e levantar em horários regulares todas as noites.

–  Use a cama para dormir. Se condicione que ali é o seu cantinho para DORMIR. Não use a cama para leitura, ver televisão ou alimentar-se; para essas atividades, vá para sala, cozinha ou um sofá.

–   Não fique na cama se está sem sono; se for o caso, levante e faça uma atividade calma até ficar sonolento novamente. Se manter na cama, rodopiando de um lado para outro pode gerar stress e agravar a dificuldade de dormir.

– Procure por atividades repousantes e relaxantes depois do jantar. Tome um banho e diminua a luminosidade do quarto enquanto se prepara para deitar.

– Evite o uso de álcool e de cafeína pelo menos 6h antes do seu horário de dormir.

– Evite o uso de medicamentos para dormir sem orientação médica.

– Evite cochilos durante o dia; eles atrapalham o seu sono à noite.

– Afaste da mente o que estiver te perturbando. Não leve problemas para a cama.

– Faça algum tipo de atividade física regularmente, porém evite exercícios intensos pelo menos 4h antes de dormir. Lembre-se de procurar uma atividade que você tenha afinidade.

Evitar bebidas alcoólicas e cafeína por pelo menos 6h antes de dormir é um importante fator pra evitar dificuldades na chegada do sono.

  Lembre-se que a escolha dos métodos ou técnicas de indução, implica num grau de afinidade com sua rotina. Métodos como o CAT podem comprometer a qualidade do sono de alguns onironautas. Isso tem que ser bem analisado.

  Sobre a alimentação, já percebi que não é uma boa idéia se alimentar próximo da hora de dormir. No máximo uma fruta ou algo bem leve. Sempre que como algo mais pesado, seja um chocolate ou um copo de  achocolatado, meu sono vai pro espaço.

Fontes Bibliográficas e links:

Neurociência da Mente e do Comportamento
Robert Lent, coordenador – Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008

Coren, Stanley: Ladrões de Sono. Cultura Editores Associados. São Paulo: 1996

https://www.sonhoslucidos.com/2011/06/higiene-do-sono-recomendacoes-para-uma.html

    Finalmente minha querida peça de roupa voltou da lavanderia. Noite de sexta para sábado, sem aula na universidade e devidamente exaurido do meu treino na academia. Uma bela oportunidade para vestir minha Camiseta da Sorte. Ela é meu verdadeiro amuleto pra ajudar a induzir sonhos lúcidos.

Minha camiseta para induzir sonhos lúcidos. Em cima no círculo vermelho tá escrito “best approach” – melhor abordagem hehehehehe olhando bem essa foto agora… que baita cara de sono heim!

 É uma camiseta bem surrada, velha de guerra. Calculo que tenha no mínimo 6 anos, pois morava em Floripa na época que a comprei.  Não sei o que me deu na cabeça na época em comprar ela –  pois ali no peito, como dá pra notar, está escrito bem grande “Born Star”!… o círculo em vermelho, próximo ao ombro diz: “best approach”. Só pra carnaval mesmo!

   Bem, ela acabou fazendo companhia para mim em sonhos lúcidos magistrais. Num desses “supersonhos lúcidos”, lá estava ela comigo novamente. Desde então, ela é uma companheira valiosa que tem me acompanhado sempre(exceto quando está na lavanderia).

Que ferramentas podem ser cruciais para induzir a consciência nos sonhos?(Na imagem, Thanos, personagem que curto pacas da Marvel). O roxinho conseguiu sua Manopla do Infinito e eu tenho minha Camiseta Suprema. Rá!

   Parece ser importante nos cercar de certos hábitos saudáveis. Boa qualidade do sono, alimentação balanceada e atividade física são o “feijão com arroz”. Isso tudo tem influência direta sobre as substâncias neurotransmissoras no cérebro e não é preciso ser um Ph.D para compreender isso. Um pouquinho de fé ou algum ritual pode ser um fator bem interessante para intensificar ou aumentar a frequência das experiências. Fé ou superstição… eu tenho meu amuleto 😉

  O fato é que nos últimos 2 anos pelo menos, tem acontecido com mais frequencia os sonhos lúcidos com minha camiseta da sorte. Provavelmente toda a expectativa na hora que tiro ela do armário, visto pensando nos poderes extras que ganho com ela rsrsrsrs bom, acaba sendo uma bela forma de me focar na indução da consciência nos sonhos.

  Uma contribuição interessante da Elisete, colaboradora do blog, também sonhadora lúcida. Dormir do lado esquerdo poderia ser uma ajudinha extra? Mas afinal, será que existe uma posição mais adequada para induzir sonhos lúcidos?

Existirá uma posição mais adequada para induzir sonhos lúcidos?

   Particularmente também costumo dormir mais do lado esquerdo. No meu caso, aconteceu porque teve uma época que estava com problema de estômago e essa era a posição mais confortável para mim. Acabou  que viciei nela. Porém já tive vários sonhos dormindo em decúbito dorsal ou barriga para cima. Aliás essa última posição acho que foi a que mais aconteceu o WILD. Provavelmente deve ser a posição mais adequada para usar as máscaras de indução.

   Sobre a melhor posição para ter sonhos lúcidos, prometo que o próximo post será específico sobre o tema. Nesse aqui eu quis compartilhar e homenagear minha camiseta, essa minha indumentária incrível! ;p

    Eu gosto de comparar certos estados mentais que fico nos sonhos comuns, com o que poderia ser, um certo tipo de zumbi. É impressionante como as coisas mais psicodélicas e impossíveis podem acontecer nos sonhos e mesmo assim simplesmente a lucidez não acontece. Pior ainda quando isso acontece num sonho que é uma exata simulação do cotidiano.

Num sonho comum, nos deixamos conduzir pelo fluxo natural da narrativa, mas nos sonhos lúcidos passamos a vivenciar a experiência com a capacidade de raciocínio e memória ativas: algo como superar o “estado zumbi”(na foto uma cena da obra-prima: Vingadores).

    Um tema que já coloquei na minha lista de temas recorrentes nos sonhos – e que talvez passe aplicar o Tholey por isso – é sonhar que converso algo relacionado aos sonhos lúcidos. Várias vezes conversei sobre o tema nos sonhos e nenhuminha dessas vezes, tive o “click” de ficar consciente.

    Outro tipo de sonho que já percebi é estar manipulando ou controlando o sonho e depois que acordei, não ter me sentido de fato, consciente nele. É como se existisse um mecanismo que capta estar sonhando, aplica uma adaptação e me permite usar e abusar da imaginação nos sonhos… sem entretanto permitir explorar a consciência durante esse estado mental.

    Vou dar um exemplo:

     “Eu estava fazendo algo quando fui avisado da consulta com minha médica. Seria dezesseis e vinte. Saí do lugar e minha amiga entrou junto no carro em que uma terceira pessoa dirigia. Avisei minha amiga que ela não precisava me levar, pois era muito longe. Que eu pediria um taxi ali num posto próximo. Desci do carro e fui correndo em direção ao posto. Olhei no relógio e apesar de ter pensado que deveria ser quase dezesseis e vinte, no relógio constava DEZENOVE e alguma coisa! rsrsrsrsrs mas não fiquei consciente com isso?!?

O tempo nos sonhos… sempre um tema tão fascinante de se tratar. Nesse sonho em especial eu cheguei a refletir sobre o pouco tempo que DEVERIA ter passado.

   
      Minha amiga me alcançou no posto e dei um tchauzinho pra elas e levantei vôo. Mas na primeira curva encontrei numa boa altura grande fios de energia elétrica. Fui mais alto e mesmo assim não consegui desviar, chegando a queimar um pouco as mãos.

      Desci e havia extensos varais de roupa. Encontrei Lorien e ela estava toda encharcada com a chuva. Fomos juntos até a clínica. E lá havia uma montanha de pedras lisas encaixadas. Era muito alto e molhado. Pensei que meu võo seria difícil naquilo.

       Lá em cima fui questionado se meu amigo havia recebido o chip para eu poder entrar.”

Voar quando se torna um tema recorrente, pode ser trabalhado com o Método Tholey, para ajudar a induzir a consciência nos sonhos.

      Foram dois fatos que ocorreram nesse sonho que poderiam perfeitamente ter me tornado lúcido: a hora do relógio, quando olhei pensando pela lógica ser uma, quando mostrou uma hora estapafúrdia(tinha a percepção de ter passado pouco tempo e refleti sobre isso) e o levantar vôo com naturalidade.

      Peguei esse sonho porque ele tem fortes elementos do meu cotidiano. Mesmo na simulação daquela realidade, pela minha mente, eu percebi a distorção no tempo do relógio, burlei a gravidade e saí voando e mesmo assim não fiquei consciente em momento algum.

      Fica então a questão… ter controle ou a capacidade de manipular a narrativa do sonho, significa o mesmo que consciência?…

Controle X Consciência, sobre a relação que possuem um com o outro, parece-me perfeitamente possível que um possa existir sem o outro num sonho. 

     Stephen LaBerge, aponta um esclarecimento bem interessante sobre sua visão do que é a consciência nos sonhos:

“Provavelmente o impacto que resulta do aparecimento da lucidez é proporcional à clareza e ao grau de finalização da mudança de percepção de quem está sonhando. Há vários graus de lucidez e a sensação comum de despertar de um pesadelo depois de perceber que “foi só um sonho” é característica dos graus mais baixos (ou por que fugir do que é “só um sonho”?), e normalmente vem acompanhada apenas de um alívio relativo. Mas o sonho lúcido mais completo, no qual quem sonha fica no sonho um período suficientemente longo para permitir que tenha uma sensação de maravilha,  pode vir associado a uma sensação eletrizante de renascimento e com a descoberta de um mundo novo  de  sensações.

Não é a toa os séculos de domínio sobre os sonhos lúcidos por parte dos monges tibetanos.  Quando tratamos de sonhos lúcidos estamos lidando com estados alterados de consciência… nos quais eles são indubitavelmente os mestres.




Geralmente, quem tem um sonho lúcido pela primeira vez fica pasmado quando percebe que nunca sentiu antes os próprios sonhos com todo o seu ser e que agora está perfeitamente acordado em pleno sono! Um homem que teve um sonho lúcido descreve a sensação ampliada de vida que sentiu com a chegada súbita de um lampejo de lucidez: sentiu-se possuído de uma sensação de liberdade “que nunca havia sentido antes”; o sonho estava impregnado de uma tal animação vital que “a própria escuridão parecia ter vida”. Nesse ponto apresentou-se um pensamento de uma força tão inegável que o homem foi impelido a declarar:   “Nunca estive  acordado  antes”.

    Esse é um tema que está rendendo uma boa troca de idéias – graças a onironauta Zeti que iniciou o debate – entre os onironautas que frequentam o Fórum de Sonhos Lúcidos… mas afinal, sonhos lúcido é o mesmo que controlar os sonhos?

Saito no Limbo em Inception – A Origem… ficou sem consciência, pois ficou sem memória, perdido sem  conseguir recordar. Que instigantes elementos mais, envolvem a construção e manutenção da nossa consciência?

    Trata-se de uma confusão bem comum tanto entre os interessados em sonhos lúcidos, como o leigo no assunto de sonhos conscientes. Vou mais longe… não é incomum verificar grandes pesquisadores querendo relacionar controle do sonho com grau de lucidez!… Mas será confusão mesmo? Será que capacidade de interferir na narrativa de um sonho, está diretamente relacionado ao grau da consciência durante o sonho?

    Vamos começar pelo que é mais pacífico entre os onironautas. Os sonhadores lúcidos que já tiveram a oportunidade de se sentir consciente num sonho, mas não conseguiram interferir na narrativa ou realizar simples desejos, como sair voando, fazer alguma criatura desaparecer ou apaziguar um cenário aterrador…

No estado mental dos sonhos lúcidos, podemos nos defrontar com situações inusitadas,  coisas que não queremos ver, personagens que não  conseguimos nos livrar… a cena da imagem é do excelente desenho japonês Páprika, com uma bela abordagem sobre sonhos.

     Para os sonhadores lúcidos que já tiveram a experiência de ficar lúcidos num sonho, sem conseguir controlar o sonho, fica clara a independência que parece existir entre os dois elementos. Está claro que podemos manter essa consciência, sem entretanto tomar as rédeas da narrativa. Tyler que é um onironauta experiente, cita por exemplo o “controle passivo”, como uma boa técnica para prolongar o sonho lúcido, sem o despertar prematuro. O que vai de encontro ao que Stephen LaBerge alerta no seu livro Sonhos Lúcidos: para não ficar tentando, num desperdício de energia, forçar o controle do sonho, causando um prematuro despertar(erro bem comum entre os onironautas iniciantes).

    De fato, parece que temos então, um bom indício de uma certa relação entre consciência X controle, porém ao mesmo tempo, vamos percebendo que estamos trabalhando com objetos distintos.

Como não erguer Mjolnir se eu sei que tudo isso é meramente um sonho meu??? Na imagem, o bom e digno filme do Thor 😉

    Agora, surge outra questão fascinante, se é possível manter a consciência num sonho, sem controle da narrativa… será possível controlar um sonho sem estar consciente nele?!? Como seria um sonho assim?

  Atenção onironautas! Está criado o Fórum de Sonhos Lúcidos. Agora os relatos, experimentos, idéias e troca de figurinhas poderão acontecer de maneira organizada.

  Sou um frequentador assíduo de longa data, de diversas mídias relacionadas, aqui no Brasil com o blog, no Grupo do Facebook, Twitter, pela antiga comunidade do Orkut… porém, estava faltando um Fórum onde a contribuição de cada onironauta, não ficasse abandonada em algum canto.

 Verifiquei a existência de diversos fóruns em outros países já faz um bom tempo e penso que já demoramos demais para ter um Fórum bem organizado. Talvez um dos motivos tenha sido a longevidade que a Comunidade do Orkut teve, porém com as limitações típicas daquela mídia e agora com a migração dos usuários, a dispersão é inevitável. A instituição de um Fórum oficial, exclusivo sobre o tema, deve suprir isso e deixar ainda mais eficiente, a troca de experiências entre os sonhadores lúcidos.

Com a instituição de um fórum de Sonhos Lúcidos brasileiro, os onironautas poderão aproximar ainda mais a troca de experiências, seja com relatos, técnicas, rotinas e afins.

  Com o Fórum de Sonhos Lúcidos, poderemos aproximar essa troca de experiências, aprimorar nossas habilidades e contribuir no desenvolvimento dessa fascinante área que é o estado mental da consciência nos sonhos.

  O cadastramento é simples: após clicar aqui. Clique em “Entrar” e depois em “Registrar-se”, logo abaixo.

  Já estão disponíveis tópicos especiais para debater sobre os principais métodos de indução(MILD, Tholey, WILD, WBTB…), tirar dúvidas em geral, apresentar-se, fazer relatos de sonhos lúcidos, sonhos intensos e não lúcidos, etc..

Assim como o destemido Pegasus(do Fúria de Titãs 2 – nos cinemas), seja bem-vindo para mergulhar fundo nas experiências mentais dos sonhos lúcidos.

 Sejam todos bem-vindos!